Scroll Top

Noticias

Cerro Largo perde em Entre-Ijuís e é vice-campeão da Conferência Oeste

Cerro Largo Futsal ficou com o título de vice-campeão da Conferência Oeste. Foto: Genaro Caetano

O Cerro Largo Futsal/Lojas Becker não conseguiu conquistar seu objetivo principal, que era o título da Conferência Oeste e consequentemente, o acesso direto para o Gauchão Série B 2023. Jogando na cidade de Entre-Ijuís no sábado (26/11), o Leão Missioneiro acabou derrotado por 6×2 pela AEF.

Como no jogo de ida o placar havia sido de 2×2, a vitória no tempo normal bastou para a Associação Entre-Ijuís Futsal conquistar o título. Na outra decisão, pela Conferência Leste, a AAGF de Agudo venceu o BR Futsal de Pelotas, e disputará o título geral de campeão do Gauchão Série C com a AEF.

Além dos campeões de Conferência, haverá mais uma vaga para o Gauchão Série B, e ela será disputada entre os vice-campeões, que são Cerro Largo e BR Futsal, no denominado “Duelo do Acesso”. A primeira partida ocorre neste próximo sábado, 3 de dezembro, em Pelotas, com o jogo da volta em Cerro Largo.

O jogo

A partida em Entre-Ijuís começou com muita determinação das equipes na marcação, com poucos espaços para finalização. Com o quarteto formado por Thauan, Peixoto, Andrey e Timoteo, o Cerro Largo contou com o goleiro Jacky para ter sua primeira grande finalização no início da partida. Por volta dos 3min, ele atravessou a quadra de defesa e chutou forte, para defesa do goleiro Murilo.

Ainda antes dos 5min, em rápido contra-ataque, Bigode passou pela marcação e chutou rasteiro. Jacky fez a defesa e no rebote Euller chutou pra fora, mas com perigo. Murilo ainda fez duas defesas importantes na sequência da partida. Uma delas em novo chute de longe de Jacky, e outra em grande finalização de Peixoto.

O primeiro gol foi sair somente aos 10min38seg. Léo infiltrou bola dentro da área e Gustavo disputou com Andi, com os dois chegando de carrinho e nessa disputa a bola acabou entrando. O Cerro tentou reagir à altura e, alguns minutos depois, em recuperação de Enzo, Brazeiro evitou a marcação e conseguiu clarear para chutar a gol, mas Murilo estava bem posicionado e defendeu mais uma.

Restando pouco mais de 6min para o final da partida, os donos da casa aproveitaram o bom momento em quadra e o apoio maciço da torcida, principalmente após o primeiro gol. Em reposição de Murilo, Euller recebeu já na quadra de ataque, avançou alguns metros e chutou forte, acertando o canto de Jacky: 2×0. Com 4min restantes, mais um gol da AEF. Do meio da quadra, Caturra recebeu da lateral e mandou uma bomba de canhota, direto nas redes do Cerro Largo.

Fechando o escore do primeiro tempo, faltando 2min, com Jacky adiantado, Murilo pegou a finalização do goleiro do Cerro e rapidamente mandou direto para o gol vazio: 4×0. Para piorar a situação, restando apenas seis segundos para o final da primeira etapa, Yago, ao tentar uma finalização, acabou lesionando o joelho e precisou ser retirado de quadra, sendo conduzido ao hospital para verificar a gravidade da lesão.

Segundo tempo

Começando a segunda metade da decisão com o mesmo time que iniciou a partida, o Cerro Largo buscou ter a iniciativa, mas a equipe da casa já estava jogando com a ampla vantagem e por isso se permitia ficar atrás, apostando na desconstrução das jogadas do adversário. Com 4min48seg veio mais um gol da AEF. Euller recebeu dentro da área e, quando buscava seu companheiro para dar o passe, Thauan tentou cortar, mas a bola raspou no jogador do Cerro e entrou: 5×0.

Depois de muita insistência, o Cerro conseguiu chegar ao primeiro gol, com o pivô Silas. Em troca de passes, Airton lançou Gustavo, que serviu o camisa 9, que finalizou da entrada da área da AEF, com 6min25seg jogados. Antes que o segundo tempo chegasse à metade, com 9min, os visitantes conseguem marcar o segundo gol. Em cobrança de escanteio, Airton chegou para receber o passe curto e emendou de canhota, sem chances para Murilo: 5×2 no placar para a AEF.

Foi uma boa reação do Cerro, mas infelizmente parou por aí. Em mais um contra-ataque, Léo invadiu a quadra de ataque e passou para Euller, que chutou da ala direita e mais uma vez o chute foi forte, com a bola passando por cima de Jacky, antes que o goleiro tivesse a reação necessária: 6×2 no placar, restando 8min24seg para o final da partida.

Enzo foi para a função de goleiro linha nos minutos restantes, revezando com Jacky quando a ocasião exigia. Infelizmente para o Cerro as coisas não aconteceram e o placar não teve mais nenhuma alteração.

Genaro Caetano – Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: