Scroll Top

Noticias

Cerro Largo perde e cai uma posição na tabela

Visitantes marcaram bem e foram efetivos nos contra-ataques. Foto: Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Visitantes marcaram bem e foram efetivos nos contra-ataques. Foto: Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

A véspera de Dia das Mães não foi boa para o Cerro Largo Futsal, que perdeu partida em casa para o Gaúcho de Tupanciretã pelo placar de 4×2. O resultado fez o time missioneiro cair para a 5a colocação da Chave 2 do Estadual Série Bronze.

O Cerro Largo terá uma nova oportunidade de vencer em casa no próximo sábado, dia 20/05, quando recebe a equipe Meninos da Vila, da cidade de Carazinho, no ginásio Roque Nedel.

O jogo

O começo do time da casa foi bom, com Fabinho, Tiaginho, Marlon e Yago movimentando o jogo, mas o time visitante marcou bem e escapou de sofrer o gol em algumas oportunidades. O técnico Redêncio buscou prender mais a bola com a entrada do pivô Silas, mas, no erro de saída do time da casa, o Gaúcho partiu com Juliano e Vicente contra Danilo, lance que resultou em gol de Vicente, aos 6min21seg.

Com grande apoio dos torcedores no ginásio Roque Nedel (cerca de 800 pessoas) o Cerro Largo seguiu dando trabalho para o goleiro Luciano. As redes do time de Tupanciretã finalmente balançaram aos 10min34seg, quando Seco empatou a partida.

Apesar do volume de jogo criado o time da casa foi punido por mais um erro que resultou em contra-ataque do Gaúcho: sozinho diante de Danilo, Vicente puxou para a esquerda e tocou na saída do goleiro para colocar seu time na frente mais uma vez.

Tudo indicava que não era a noite do Leão Missioneiro, mas a equipe não desistiu: restando 20 segundos para o fim do primeiro tempo, Gustavo pegou rebote de Luciano e deixou tudo igual novamente: 2×2.

No segundo tempo a fórmula do jogo se repetiu, com o time da casa tomando a iniciativa, porém, no terceiro erro do Cerro Largo, a equipe de Tupanciretã saiu com um homem a mais no contra-ataque. Danilo ainda fez a defesa, mas Anderson colocou a sobra no fundo das redes, com 5min22seg.

Pela terceira vez no jogo o Cerro Largo remou para tentar buscar o gol de empate, só que desta vez não foi possível. Foram muitos chutes a gol, além das faltas cometidas pelo Gaúcho, que chegaram a resultar em uma cobrança de tiro livre para o Cerro Largo, defendida pelo goleiro adversário.

Com Danilo jogando adiantado o Gaúcho matou o jogo com mais um gol, marcado por Patrique, quando restavam 12 segundo para o fim do jogo. Placar final: 4×2.

Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

1 Comentário

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: