Scroll Top

Noticias

Cerro Largo Futsal está nas quartas de final da Copa dos Pampas

Goleada carimbou o acesso do Cerro para as quartas de final. Foto: Genaro Caetano

No jogo válido pela segunda rodada das oitavas de final da Copa dos Pampas, na quarta-feira, 17/08, o Cerro Largo Futsal/Lojas Becker venceu a ASAF de Campos Borges pelo placar de 8×2. Disputado em Cerro Largo, o jogo decretou a classificação do Leão Missioneiro para as quartas de final da competição.

Como ainda restam algumas definições para fechar todos os times classificados para as quartas de final, não se sabe qual será o adversário do Cerro da próxima fase, já que os confrontos serão definidos por um novo sorteio. Atualmente temos classificados para as quartas os times do Cerro Largo Futsal, Lagoa Futsal, Afucs de Seberi e Horizontina. Agora as atenções retornam ao Gauchão Série C. Neste sábado (20) o Cerro tem compromisso fora de casa, contra o CMD Catuípe.

O jogo

O técnico Igor Poffo começou a partida com o goleiro Jacky e quarteto formado por Thauan, Enzo, Peixoto e Deivid Brazeiro. Derrotado no primeiro jogo pelas oitavas, o time de Campos Borges veio para Cerro Largo com elenco reduzido, com apenas três peças para as trocas. Mas, como o Cerro não tinha nada a ver com isso, jogou para fazer valer o fator local.

Com 1min52seg, Thauan recebeu ainda na sua quadra de defesa, carregou até passar da metade e mandou uma bomba que o goleiro Motta não conseguiu pegar. Estava aberto o placar no Roque Nedel. Logo depois saiu mais um: em triangulação com Peixoto no centro, Thauan recebeu na entrada da área e tocou para Enzo, que finalizou para o gol, com 2min23seg de bola rolando.

O jogo do Cerro Largo fluía perfeitamente, mas um erro na saída de bola oportunizou o gol para os visitantes. Em bola recuada para Jacky, com o ataque da ASAF marcando alto, o goleiro do Cerro foi tentar sair rápido, mas Luiz Gustavo interceptou e descontou, com 3min12seg. Nos minutos que se seguiram o técnico Igor trocou o quarteto, agora com Airton, Gustavo, Gui Santos e Timoteo. Com um estilo diferente, o novo quarteto chegou ao gol aos 6min15seg. Timoteo recebeu no pivô e deixou para Gustavo chegar pela esquerda e chutar cruzado e rasteiro para o gol.

Na segunda metade da etapa inicial, o primeiro quarteto retornou, mas agora com Yago no lugar de Deivid. Restando 6min49seg, Jacky, no meio da quadra, passa para Enzo, que chuta forte de média distância e Motta faz grande defesa para evitar o quarto gol do Cerro Largo. Apesar dos esforços da equipe visitante, ainda no primeiro tempo saiu o quarto gol. A defesa do Cerro interceptou lançamento de Motta, Thauan invadiu a quadra de ataque e levou a marcação junto, servindo Yago na sequência, que marcou restando 5min49seg.

O Cerro jogava bem e tinha toda a iniciativa, mas, logo após o gol de Yago, um novo erro na saída de bola resultou em outro gol da ASAF. Dessa vez foi na troca de passes na entrada da área que Luiz Gustavo, novamente ele, interceptou e dividiu com Thauan. A bola acabou sendo desviada para as redes, com Jacky fora do gol, esperando o passe que não veio. Gol de Campos Borges restando 5min11seg. Placar final no primeiro tempo: 4×2 para o Cerro.

Segundo tempo

No retorno para a etapa complementar a formação inicial se manteve. Com alguns minutos de jogo, Jacky puxou contra-ataque e a bola sobrou para Deivid, que puxou a marcação e tocou para Thauan, que achou Enzo do outro lado da área, pronto para marcar o gol, mas em sua frente se colocou o goleiro Motta, salvando com o rosto aquele que seria mais um tento do time missioneiro.

Mesmo sob pressão a ASAF fazia um bom enfrentamento defensivo e o gol do Cerro demorou um pouco pra sair, mas quando saiu foi especial para o ala Gui Santos. Recém-contratado, com apenas uma semana de treino, ele estreou nesta partida e deixou o seu aos 7min26seg. Na saída da ASAF, Gustavo ganhou na dividida e tocou para Gui. Próximo da marca do pênalti ele tirou com precisão do goleiro: 5×2 no placar!

Com metade do segundo tempo já vencida, o técnico Igor trocou de goleiro, com a entrada de Biro. Logo após saiu mais um gol, pelos pés de Peixoto. Thauan roubou bola na ala esquerda, e, com a equipe adversária toda no ataque, carregou até o goleiro Motta, tocando para Peixoto definir, livre, marcando o sexto do Cerro. Pouco depois do gol o Cerro Largo também chegou à quinta falta, restando 5min41seg para o final da partida.

Nos minutos finais, mais dois jogadores do Cerro entraram na partida. Puia e Silas, que ainda não haviam sido inseridos em quadra, tiveram oportunidade. Em roubada de bola, Gustavo lançou Puia, que adentrou a área e mandou uma bomba de canhota para as redes, restando 4min04seg para o final da partida: 7×2. Com 2min13seg, nova falta do Cerro Largo e tiro livre para a ASAF. Jacky voltou apenas para a cobrança e não deu outra: defesa do já consagrado pegador de tiros livres do Cerro!

Com 1min15seg para o fim do jogo, Silas marcou o dele. Em contra-ataque puxado por Gustavo, Puia recebeu e serviu o pivô do Cerro Largo, que fechou o placar da goleada em 8×2 para o time da casa.

Genaro Caetano – Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: