Scroll Top

Noticias

Cerro Largo é vice-campeão da Taça de Inverno

Equipe do Cerro Largo com o troféu de vice-campeão. Foto: Genaro Caetano

O Cerro Largo Futsal/Lojas Becker jogou em Entre-Ijuís no sábado, 24 de setembro, pela final da Taça de Inverno do Gauchão Série C. O Leão Missioneiro acabou perdendo por 3×1 e com isso ficou com o vice-campeonato. Apesar do revés, a temporada segue no Gauchão, com o início das quartas de final.

Definitivamente o Cerro Largo Futsal não teve sucesso em sua semana, que começou com a eliminação da Copa dos Pampas em Horizontina na terça-feira (20), em um jogo decidido nos pênaltis, que levou os atletas ao limite físico e psicológico. Logo após, o trabalho teve sequência na preparação visando a final em Entre-Ijuís, onde o resultado novamente não veio.

Quartas de final

Foi uma semana desafiadora, com cansaço e desfalques no elenco, e o Cerro encarou tudo isso de cabeça erguida. Mesmo que o resultado positivo não tenha sido alcançado o trabalho segue, pois ainda há muito que se fazer. O Gauchão Série C está aí e os percalços no caminho não tiram o Leão Missioneiro do seu principal objetivo, que é o acesso para a Série B.

O adversário do Cerro Largo Futsal nas quartas do Gauchão já está definido. Será a AEEF, de Erechim, equipe que jogou a primeira fase na Chave B do Gauchão. Será o primeiro enfrentamento da história entre as duas equipes.

O jogo

Com o fixo Thauan suspenso para a final, o Cerro Largo amargou mais um desfalque durante a semana após o jogo em Horizontina. Outro fixo, desta vez o capitão Airton Negão, acabou desfalcando a equipe por questões físicas. Com isso o Cerro foi para a partida sem fixo de ofício, iniciando com Jacky no gol mais Deivid, Gustavo, Peixoto e Timoteo.

O começo não foi nada bom. Logo com 1min57seg, em cobrança de falta, a bola passou pela barreira e Mauricinho recebeu rente à trave de Jacky, abrindo o placar em Entre-Ijuís. Os visitantes tentaram pressionar o adversário, mas, em uma roubada de bola na quadra de defesa da AEF, Andi arrancou em direção ao goleiro Jacky e chutou direto, sem desperdiçar a chance: 2×0 no placar, com 4min11seg de jogo.

A AEF começou a trabalhar com o escore de 2×0, abdicando um pouco da posse de bola. Passando da metade da primeira etapa, Yago segurou no pivô para Peixoto chutar uma bomba de longa distância. Mesmo com a visão prejudicada pelos jogadores que estavam à sua frente, Mutilo fez boa defesa no chute rasteiro. Murilo também efetuou boa defesa em novo chute de Peixoto, desta vez de média distância, após troca de passes perto da linha da lateral direita. Logo depois, em lançamento de Murilo, Léo dominou na entrada da área do Cerro e acertou a trave de Jacky.

O número de finalizações do Cerro só aumentava com o passar do tempo. Enzo e Silas foram mais dois atletas do Cerro que finalizaram a gol, mas Murilo dava jeito de manter as redes da AEF seguras. Foi com muita pressão e restando 15 segundos para o final do primeiro tempo que o Cerro Largo conseguiu o gol de desconto. Da ala direita, Gustavo chutou entre os jogadores da AEF e a bola foi ao encontro do pivô Timoteo, que estava dentro da área para tocar para o gol.

Segundo tempo

Voltando do intervalo o Cerro Largo manteve o mesmo quarteto do início da partida. O gol de empate quase saiu no primeiro minuto de jogo. Em chute de Peixoto, a bola desviou e bateu em Timoteo, que, por um detalhe de posicionamento, não conseguiu empurrar para as redes! Com 3min, em cobrança rápida de lateral, Fabinho deixou para Caturra chutar e Jacky fez grande defesa.

A pressão do Cerro teve sequência na primeira metade do segundo tempo, mas Murilo fez novas intervenções que frustraram as tentativas do Cerro. Em uma delas, Enzo cruzou para Timoteo, que adentrava a área e ia marcar no encontro da segunda trave, mas o goleiro do Entre-Ijuís foi rápido e tirou a bola na hora.

O Cerro não conseguiu fazer o gol e, pior ainda, acabou levando mais um. Em bom passe de Paulinho, Mauricinho recebeu na entrada da área, tirou o corpo da marcação e bateu firme e rápido, sem dar chance para Jacky reagir: 3×1, restando 9min25seg para o final da partida. Sem tempo para lamentar, o Cerro Largo seguiu com as iniciativas e pressão pra cima do adversário, mas a noite realmente não era do time visitante. Restando 3min para o final da partida Yago foi para a função de goleiro linha, mas o placar não se alterou até zerar o cronômetro.

Genaro Caetano – Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: